A Nossa História

Junte-se no mesmo caldeirão de influências Dylan, Hendrix, Crosby, Stills, Nash & Young. Relocalize-se Woodstock (o original) em Portugal. Imaginemos cantautores nómadas, amor livre e vinho do Porto. A serra, o sol e as pedras.

Multidão Solitária é uma nave espacial que levantou voo nos anos 60 e aterrou no Século XXI. A viagem foi longa. As fundações são as mesmas do antigamente, mas o resultado soa actualizado aos tempos modernos. Blues e Folk, que se cruzam em canções homogeneizadas pela longa exposição ao rock clássico. Sem soar a cópia. De vincada identidade.

Do Tanha a São Francisco, do Corgo a Nashville, do Douro a Seattle. Multidão Solitária é o culminar de três décadas de introspecção, aculturada por uma sólida dieta musical, à base de Rock, Folk e bom gosto. De Dylan a Hendrix, de Young a Cocker, o projecto remete-nos para uma época em que a música falava mais alto, livre de rótulos e da futilidade da imagem, que governa o panorama cultural actual. Música que se ouve com os ouvidos e o coração - nunca com os olhos. Temas que vão do electrizante rock à mais calma e subtil ladaínha e que nos aquecem a alma, embalando-nos por um caminho já percorrido, mas pouco pisado nos tempos actuais. Personalizado, carismático e emotivo.